Total de visualizações de página

quinta-feira, 28 de abril de 2011

Preço da gasolina porquê tão caro?


situação em 2003
Onde tivemos as maiores altas da gasolina onde chegamos ao valor médio de R$ 2,50, com valores de referência de U$$ 50,00 o barril de petróleo e o dólar a R$ 3,50 resultando num valor de R$ 175,00.

situação em 2011

com a gasolina a um preço médio de R$ 2,90 com o barril de petróleo custando U$$ 100,00 com o dólar a R$ 1,56 resultando num valor de R$ 150,00. ou seja menos que o  custo de 2003 quando o valor era de R$ 175,00.
Bom ai podem dizer temos 25% de alcool anidro na mistura, mas em 2008 era de "apenas" 22% (http://www.agencia.cnptia.embrapa.br/gestor/cana-de-acucar/arvore/CONTAG01_116_22122006154842.html), portanto se o motivo de aumento da gasolina se justifica pelo aumento do valor do alcool, porquê então não reduzir para 22% a mistura para equilibrar a falta de alcool no mercado até as usinas processarem a safra 2011?
mesmo porque em 2003 a 2011, o dólar caiu de R$ 3,50 para R$ 1,56 ou até menos e não baixou a gasolina. O barril de petróleo baixou de U$$ 130,00(http://g1.globo.com/Noticias/Economia_Negocios/0,,MUL489194-9356,00-PRECO+DO+BARRIL+DE+PETROLEO+ULTRAPASSA+OS+US+EM+LONDRES+E+NOVA+YORK.html) para U$$ 53,00 (http://www1.folha.uol.com.br/folha/dinheiro/ult91u465946.shtml) e mesmo assim o preço permaneceu em torno de R$ 2,40 (http://www.maysadecastro.com.br/blog/2007/06/20/preco-da-gasolina-no-brasil/) isso mesmo com valores de referência de petróleo a U$$ 53,00 e dólar a R$ 2,33(http://www.estadao.com.br/noticias/economia,dolar-fecha-estavel-na-1-sessao-de-2009,301735,0.htm) resultando num valor de referência de R$ 123,00.
Trocando em miúdos sempre se se sobem muito os preços e quando baixa e um valor irrisorio, com todos esses valores acima citados deveríamos tem um valor de gasolina em torno do que se praticava um mes atrás em torno de R$ 2,30 no máximo. Lembrando que de tributos o governo "abocanha" míseros 52% que no valor de R$ 2,30 representa R$ 1,196.
Sabe-se que o Brasil exporta gasolina para Paraguai e Argentina (http://exame.abril.com.br/economia/brasil/noticias/petrobras-importa-gasolina-para-garantir-abastecimento), mas pior importa gasolina....contrasenso...(
http://www.jornaldamanhamarilia.com.br/noticia/7920/Fora-de-controle/).
Temos também o fato que somos autosufucientes de petóleo.

notícias de 2003

Peso dos impostos Para o professor da UFRJ Giuseppe Bacoccoli, a gasolina é "realmente" cara, mas ele responsabiliza os impostos, e não o preço de refinaria. Do valor final, 52% são tributos. Nos EUA, onde o preço ao consumidor é menor do que no Brasil (R$ 1,28 o litro), a tributação não chega a 20%. Na Europa, beira os 80%.

Na medição do IBGE, a partir de dados das pesquisas de preço, a gasolina custava R$ 0,54 em julho de 1994 (em valores não atualizados) e chegou a R$ 2,009 em agosto de 2003. No período do Real, o preço da gasolina subiu 258,43%. Neste ano, porém, há uma redução de 0,35%.
Interesse do acionistaOutro argumento em defesa da paridade é que 60% do capital da Petrobras está nas mãos de acionistas minoritários --desses, 312 mil investidores compraram ações com o FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço). Segurar preço resulta em desvalorização dos papéis.


José Sérgio Gabrielli, diretor financeiro da Petrobras, diz que a paridade tem de ocorrer para defender o interesse dos minoritários, dentro do conceito de empresa pública e de capital aberto.

fonte: http://www1.folha.uol.com.br/folha/especial/2003/petrobras50anos/fj0310200311.shtml


cotação do dólar em 2003:



fonte: http://www.betao.com.br/dolar.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário